quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Nova sinalização viária já facilita circulação dos ciclistas

Ciclistas devem utilizar as travessias cicloviárias, sempre atentos. Motoristas devem ter a mesma atenção e dar a preferância para a travessia dos ciclistas.

Os ciclistas de Rio das Ostras já estão utilizando as conexões das ciclovias do Município. As faixas pintadas de vermelho servem para delimitar o trecho de passagem das bicicletas e conferem um tráfego mais seguro nesses locais. Quem utiliza a bike como meio de transporte na cidade aprovou a iniciativa da Prefeitura.

A ciclista Franciele Batista diz que o “tapetão vermelho” vem chamando a atenção de todos, mas ressalta que é importante que as pessoas se informem sobre como circular corretamente no local.

“É como uma pista de carro: tem mão e contramão e deve ser respeitada por todos, para que exista uma harmonia no trânsito”, disse Franciele.

O casal Leonardo e Rosa Araújo defende que todos conheçam mais sobre a sinalização viária, ciclistas, motoristas, motociclistas e pedestres. Leonardo disse que como ciclista há 25 anos observa que a sinalização em Rio das Ostras, de responsabilidade da Secretaria Municipal de Transportes Públicos, Acessibilidade e Mobilidade Urbana, é uma das melhores na região.

“Além de sinalização horizontal, temos uma excelente sinalização vertical, que precisa ser respeitada para o bem de todos”, completou o ciclista.

A moradora Maria Isabel da Conceição usa a bicicleta diariamente para ir para o trabalho. Ela já sofreu um acidente, causado por um motorista que desrespeitou a sinalização da via.

“Há seis meses fui atropelada por um motorista que avançou o semáforo. Mas acho que é uma questão de tempo. As pessoas vão apreender a respeitar, até porque o uso de bicicleta na cidade é cada vez maior”, diz Maria Isabel.
 

COMO UTILIZAR – Eduardo Almeida, assessor de Mobilidade Urbana da Secretaria de Transportes Públicos, Acessibilidade e Mobilidade Urbana, explica que as conexões cicloviárias são os pontos mais importantes para ciclistas e motoristas – onde os meios de transportes não motorizados e motorizados se encontram.

Ele lembra que, de acordo com a legislação, nos trechos onde há semáforo, todos devem respeitar a sinalização luminosa; carro, bicicleta e os pedestres. Onde não há semáforo, a preferência de passagem é das bicicletas, exceto nas agulhas de desaceleração da RJ-106 para as vias arteriais paralelas, onde os ciclistas devem parar e observar, até mesmo como medida defensiva.

Onde existir área de proteção para ciclistas, como círculos amarelos ou "áreas zebradas brancas", os carros devem reduzir a velocidade e, se necessário, parar.

Nas vias compartilhadas entre ciclistas e pedestres é muito importante que haja um cuidado maior sobre quem caminha. Os ciclistas não podem forçar ultrapassagem nem andar em alta velocidade, evitando assim, acidentes que podem ter gravidade.

"Atenção é a palavra chave. Esquecer os celulares, principalmente, e interagir com o trânsito e com o tráfego de ciclistas. Atenção total na direção é a melhor maneira de usar as conexões cicloviárias", completa Eduardo. 


  Ciclistas devem usar as ciclovias obedecendo o sentido de fluxo correto, sempre à direita.


Nas áreas de protação, ciclistas devem observar o fluxo de carros antes de cruzar a via; caso tenha semáforo, deve obedecer o sinal luminoso.


 Nas vias compartilhadas, ciclista deve cuidar da segurança do pedestre.

Prefeitura sinaliza e conecta ciclovias da Cidade

 A previsão é de que os trabalhos sejam concluídos dentro de 30 dias.

A Prefeitura de Rio das Ostras começou esta semana a sinalizar as vias da cidade, conectando as ciclovias. O trabalho foi realizado na Avenida dos Bandeirantes, na entrada de Ouro Verde, e na Avenida Campomar, em Cidade Praiana. O objetivo da Secretaria de Transportes Públicos, Acessibilidade e Mobilidade Urbana é oferecer mais segurança aos ciclistas nos pontos mais críticos, que são as travessias urbanas.

O projeto de Conexões Cicloviárias da Cidade está previsto no Plano de Mobilidade Urbana de Rio das Ostras e ainda atende à Lei Federal 12.587, de 2012, que prioriza ações imediatas para o transporte não motorizado.

Rio das Ostras conta atualmente com 21 quilômetros de ciclovias, nas mais diversas localidades. E a previsão é estender essa malha a 50 quilômetros, conforme prevê o Plano Municipal.

O projeto está dentro da mesma Anotação de Responsabilidade Técnica - ART do sistema de redes de transportes coletivos e aprovado pelos arquitetos e engenheiros da Prefeitura. O trabalho de sinalização está sendo feito com recursos provenientes das multas de trânsito.

“Nossa intenção é ampliar o sistema cicloviário, oferecendo diferentes tipos de ciclovias por todo o Município, marcação de cruzamentos, sinalização específica, ciclofaixas de mão dupla e mão única e zonas de velocidade controlada. Esses são alguns exemplos do que já estamos implantando”, explica Eduardo Almeida, especialista no assunto e técnico da Secretaria de Transportes Públicos, Acessibilidade e Mobilidade Urbana. 


O especialista técnico Eduardo Almeida, fala da importância da sinalização das ciclovias.

A previsão é de que os trabalhos sejam concluídos dentro de 30 dias. A equipe também deu inicio à instalação de guarda corpo nas paradas de ônibus instaladas ao longo da Rodovia Amaral Peixoto, na área do Centro, onde é maior o fluxo de pessoas. O próximo passo é sinalizar as conexões das ciclovias no Centro da Cidade.

quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Macae Noite e Dia



Nos dias 8 e 9 de outubro a serra Macaense receberá a primeira edição do Macaé Noite & Dia.
Um projeto iniado em Macabu, que agradou os ciclistas de toda região, agora será realizado nos percursos tradicionais do Sana, ofertando aos participantes apoio para conclusão dos desafios individuais, além de kit participante contendo camisa e squeeze.
Na programação haverá espaço para uma palestra com atletas da região, dando informações sobre treinamento, alimentação e dicas de manutenção.
Um evento super completo para que gosta de aventura sobre a bike.
Não perca!
Mais informações em:
http://multipluseventoses.wixsite.com/multipluseventos