segunda-feira, 16 de maio de 2011

Cross Duatlhon do Macaé MTB Cup

 (Pódio da Geral do Cross Duatlhon)

Dia 17 de abril de 2011 estreamos uma nova modalidade esportiva em Macaé e região: o CROSS DUATHLON.
Unindo corrida por trilhas e um cross country de circuito, o pequeno evento começou a revelar talentos.
Como dizíamos, um evento "residual", onde a intenção era queimar o resíduo de verba obtido no Macaé MTB Cup, estávamos ali nesse dia com 41 inscritos. Uma grande surpresa para nós.
Por se tratar de um evento que envolve corrida a pé, ainda mais por trilhas, esperávamos um número menor de participantes.
Isso mostra que os treinos com corridas a pé estão crescendo.
E com isso, certamente irá crescer o nível dos atletas da nossa região.


Os preparativos
Foram 21 dias de preparo para o evento.
Tínhamos todas os elementos básicos pra realizar o evento. Por isso a vontade de realizá-lo.
Banners, faixas, troféus, placas da pista, numerais da bike, numerais da camisa, etc.
Sobrou trabalho para a madrugada do dia do evento(pra variar!). Sempre acontece isso, já estamos até nos acostumando.

 (Colando adesivos dos troféus - 02h30min - madrugada)


Dois mutirões - Paulo e companhia e depois Márcio e companhia - recuperaram a pista e retiraram algumas dificuldades que tinham no primeiro evento.
A chegada no dia do evento para os "retoques" sempre são corridas. E por vezes até deixamos algumas coisas pra trás, outras achamos dias depois... Mas é assim mesmo! O importante ali era curtir a nova modalidade que nos era apresentada!

 (Márcio chegando com lotação máxima!)

No dia, foi montada a área de transição, que já estava preparada.





O momento era terminar de colocar todas as coisas em ordem enquanto a turma se confraternizava.




















Quem estiver a fim de recordar a reunião técnica com as explicações sobre o cross duathlon que aconteceu antes da prova, segue o video.





A Corrida
(Ok gente! Da próxima vez levaremos a buzina!!! rsrsrs)
Alinhamento de todas as categorias juntas, a largada no grito para a corrida a pé fez a adrenalina vazar logo.
Eram os primeiros 1200m de prova.

video







Os pelotões começaram a se separar rapidamente.
E logo chegou o momento da primeira transição.






Cada atleta montou sua estratégia de trocas de calçados (ou não trocaram) e iniciaram o XCO pelo circuito de 5500m. Foram 2 voltas de bike, totalizando 11km.







A segunda transição já deixou muitas pessoas com a toalha no chão.
Era certo de acontecer isso. Várias pessoas desistiram da prova e passaram a ser expectadores.
A corrida a pé realmente "salgava" o evento.
Após o circuito de bike, foram mais 2400m de corrida a pé, após a segunda transição.
E o sol ali firme e forte, castigando e aumentando a dificuldade.
A chegada teve uma variação de tempo bem interessante.
Alguns tempos foram uma excelente surpresa, diante das dificuldades do tipo de prova.

Classificações
Apenas dos atletas que completaram a prova.
A leitura de tempo é da seguinte forma:
Ex. A: Tempo igual a 0,5330 significa 0h 53min 30seg
Ex  B:  Tempo igual a 1,0303 significa 1h 03min 03seg

Geral
(Pódio do primeiro ao quinto colocado)




Nome
Tempo
01 Damiano Militao 0,4940
02 Wemerson 0,5152
03 Carlos Henrique 0,5330
04 Edson Soares 0,5400
05 Márcio Gripp 0,5532
06 Tiago de Oliveira 1,0120
07 Marcelo Manger 1,0201
08 Cristiano Barbosa 1,0220
09 Jansen Torres 1,0303
10 Joel Ribeiro 1,0410
11 Filipe da Silva 1,0540
12 Guilherme Gordo 1,0630
13 Lucas Marinho 1,0652
14 Pedro Pereira 1,0708
15 Gelso Gomes 1,0809
16 Luiz Carlos Neto 1,0853
17 Fernanda de Freitas 1,1045
18 Everson Furtado 1,1118
19 Leonardo Vargas 1,1320
20 Gustavo Campos 1,1335
21 Wellington da Silva 1,1359
22 Habacuque 1,1810
23 Paulo Lopes 1,1855
24 Anderson Fernando 1,2528
25 Saulo Dames 1,2744
26 Adélia
1,3025
27 Roque Pereira 1,3504
28 Herbert Caldas 1,3835

Juvenil (Sub 20)




Nome
Tempo
01 Filipe da Silva 1,0540
02 Lucas Marinho 1,0652
03 Pedro Pereira 1,0708



20 - 30 anos



Nome
Tempo
01 Wemerson 0,5152
02 Carlos Henrique 0,5330
03 Edson Soares 0,5400

30 - 40 anos



Nome
Tempo
01 Damiano Militao 0,4940
02 Tiago de Oliveira 1,0120
03 Jansen Torres 1,0303

40 - 50 anos

Nome
Tempo
01 Márcio Gripp 0,5532
02 Marcelo Manger 1,0201

Over 50 (acima de 50 anos)

Nome
Tempo
01 Gelso Gomes 1,0809
02 Paulo Lopes 1,1855
03 Roque Pereira 1,3504

Feminino


Nome
Tempo
01 Fernanda de Freitas 1,1045
02 Adélia
1,3025

Considerações

Uma prova diferente. Um abre-alas para corridas de aventuras, cada vez mais comuns no Brasil.
E fica mais uma vez nosso legado de não utilizar a BikeRO (Associação da Bike de Rio das Ostras) com fim lucrativo, e sim como disseminador da bike esportiva.
Um evento simples, feito com muito carinho para que todos pudessem curtir uma grande brincadeira, mascarada por um treino para as corridas de aventura.
Abaixo um video com o final da premiação, algumas palavras sobre o evento e a BikeRO.

video

Quem quiser ver todas as fotos do evento, acesse link do Picasa.
https://picasaweb.google.com/eduardo.systema/CROSSDUATHLONDoMacaeMTBCup#

É sem medir esforços que vamos trabalhar para que novos eventos relacionados à bike possam surgir em nossa região.
As falhas que cometemos na organização, pedimos para que sejam desculpadas. Olhem apenas para nossa intenção: difundir a idéia, agregar e introsar os atletas da nossa região, mantendo aquecido e sempre em crescimento o esporte que adotamos e amamos!
Cadastre-se e fique por dentro de novos eventos!
Lembrando que o ROXCO está chegando!
Prepare-se, pois será uma pista dura e de alto nível técnico.
Envie email para bikero@bol.com.br e marque uma visita na pista que já está em fase final de construção.
Esperamos você por lá!
Um grande abraço e boas pedaladas!
Eduardo Almeida - Márcio Gripp

Nenhum comentário:

Postar um comentário